What is Mindfulness? | O que é o Mindfulness?

[EN]

Hello my beautiful friends! 🙂 As some of you might know this is my favorite time of the year, not only because people tend to be more caring, but also because it’s the period in which we evaluate the year that is about to end, and set new goals to fully embrace the upcoming year.

A new year doesn’t necessary mean new beginnings or dramatically changes in your life, however it is important to evaluate ourselves from time to time. Reflecting on where we stand in life and what we want to achieve.

Nevertheless living the present and not in the past seems to be critical for many people. A few years ago, it was also difficult for me, nonetheless I understood that living in the past (or through past memories) is completely pointless (you cannot change it), therefore being aware of what surrounds us in order to make better decisions seemed a more appropriate option.

Back in time I didn’t know what this “way of living” was called, didn’t even know there was a label for this lifestyle. Now I better understand. Some people say that once you go to India you are never the same person again. I guess it’s true.

Mindfulness, or what I like to call “let go” is a mental state achieved by focusing one’s awareness on the present moment, while acknowledging and accepting every feeling or thought. It’s living 100% in the present and pay attention to the small little details that surround us.

For example, you may enjoy Summer time, but do you actually remember how it was being at the beach listening the sound of the waves, feeling the warm sun in your face or how the sand in your toes feels like?

Maybe you should.

Being aware also leads to better decision making. As one doesn’t block any feeling and accepts them consciously it allows personal growth and development, reaching a state of self-acceptance, which is only beneficial to better understand yourself and how to engage with others.

I’ve been practicing mindful living for a couple of years now, and to be honest it lead me to a happy point where I stand today: Aware of my feelings, reactions and in peace with my choices and decisions. Namaste!

12088260_178922062445766_5244010294544751361_n

Practice:

There are easy ways to develop your understanding on how to improve your mindfulness on a daily basis, through a few (very) simple activities. There are formal and informal techniques: The formal ones are the ones you make time for them (eg. your daily practice or meditation), and the informal ways include being aware of single sensations, aromas and feelings on a daily basis.

My favorite type of Yoga is Vinyasa Flow, which includes a series of sun salutations, arm balancing, inverted and seated postures.

 In terms of formal techniques you can try the following:

Meditation – Sit in silence and pay attention to your sensations, breathing and other regions of the body. Bring attention to your breathing every time your mind, tries to reconnect with the external world.

Yoga – Move through a series of postures, stretch and flex the body. Make sure you are always aware of your breath.

Tai-chi – Perform a series of slow movements.

[PT]

Olá gente gira! 🙂 Como alguns sabem esta é a minha época do ano favorita, não só porque as pessoas tendem a ser mais generosas, mas também porque é o período em que avaliamos o ano que está prestes a terminar, e definimos novas metas de forma abraçar o ano que avizinha de forma plena.

Um novo ano não significa necessariamente novos começos ou mudanças drásticas na nossa vida, no entanto, é importante avaliarmo-nos de tempo em tempos, refletindo sobre onde nos encontramos de momento na vida e aquilo que queremos alcançar.

No entanto viver o presente e não no passado parece ser crítico para muitas pessoas. Há alguns anos, também o era para mim. No entanto, eu compreendi que viver no passado (ou através de lembranças do passado) é completamente inútil (já que não o podemos alterar), portanto, estar ciente do que nos rodeia, a fim de tomar melhores decisões no presente pareceu-me uma opção mais razoável.

Olhando para trás eu não fazia ideia do nome deste “modo de vida”, nem sequer sabia que havia uma designacão ou nomenclatura para o mesmo. Agora compreendo tudo melhor. Há quem diga que quando vamos à Índia nunca mais voltamos a mesma pessoa. Acredito que seja verdade.

Mindfulness, ou o que eu gosto de chamar de “deixar ir” é um estado mental alcançado pela focalizacão da nossa consciência no momento presente, reconhecendo e aceitando cada sentimento ou pensamento (mesmo os negativos).

É viver a 100% no presente e prestar atenção aos pequenos detalhes que nos rodeiam.

Por exemplo, até podem gostar bastante do Verão, mas será que realmente se lembram de como foi estar na praia a ouvir o som das ondas, sentir o sol quente na cara ou como a areia se entrenha nos nossos dedos?

Talvez devessem.

Estar ciente leva-nos também a tomar melhores decisões. Uma vez que não bloqueamos quaisquer sentimentos e aceitamo-los de forma consciente, através desta prática desenvolvemos competencias pessoais que conduzem a um estado de auto-aceitação, que é apenas benéfico para nos compreendermos melhor a nós mesmos e a melhorar o relacionamento com os outros.

Eu tenho praticado algumas destas técnicas há já um par de anos, e para ser sincera, esta aprendizagem trouxe-me a um estado positivo em que me encontro hoje: Ciente dos meus sentimentos, reações e em paz com minhas escolhas e decisões. Namaste!

12088260_178922062445766_5244010294544751361_n

Pratiquem:

Existem maneiras simples de desenvolver a nossa compreensão sobre a forma como melhorar a atenção plena numa base diária, através de algumas atividades muito simples.

Existem técnicas formais e informais: As formais são aquelas em que tentamos arranjar espaco na agenda para as realizar (por exemplo: a prática diária de meditação ou aulas de Ioga). E as formas informais incluem estar ciente das sensações individuais, aromas e sentimentos no dia a dia.

Meu tipo favorito de Ioga é Vinyasa Flow, que inclui uma série de saudações ao sol, equilíbrio, posturas invertidas e sentadas.

Em termos de técnicas formais podem tentar as seguintes:

Meditação – Sentem-se em silêncio e prestem atenção às sensações, respiração e outras regiões do corpo. Tragam a atenção de volta para a respiração cada vez que a mente, se tentar reconectar com o mundo externo.

Yoga – Realiza-se através de série de posturas, esticar e flexionar o corpo. Certifiquem-se de que estão sempre conscientes da vossa respiração.

Tai-chi – Realiza-se através de série de movimentos lentos.

 

Stay Beautiful,

Joana

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s